terça-feira, 26 de janeiro de 2010

Minha principal dúvida relacionada com o imigrar para o Canada.


O post de hoje, vou falar de um desejo e ao mesmo tempo uma dúvida, acompanhada de uma pitada de medo. Todas as pessoas que me conhecem e até mesmo as que acompanham meu blog, sabem da simpatia que tenho pelo Canadá.  Eu acompanho varios blogs de brasileiros que estão lá ,de muitos que estão em processo para imigrar. Muitas vezes já tentei plantar esta idéia aqui em casa, ja argumentei com meu marido, de a  gente ir tentar a vida lá , mesmo nossa vida aqui no Brasil ser de muito boa qualidade. Moramos em um estado privilegiado em varios aspecto, em uma cidade que o indice de violencia é relativamente baixo, mas com uma tendencia a crescer até porque  todos os indices que favorecem a este crescimento, também estão  em alta. Meu marido não consegue ver, com bons olhos, no nosso caso, este desejo de ir embora, deixando toda uma vida construida e estável para "recomeçar" do zero, arriscando tantos outros fatores que poderão ser imprescindíveis para que não nos adaptemos ou que nos arrependamos. Claro que tirando o lado aventureiro que habita em mim, eu concordo com ele em muitos quesitos, mas é um sonho meu.
E por ser, sonho meu, pensei em até em fazer um curso, uma pós-graduação, na qual eu possa estudar por um determinado tempo, no meu caso que ja tenho família, iria só por  um tempo, um  pós-sandwich ,mais para uma realização pessoal mesmo,estou amadurecendo esta idéia.
Mas aí vem todas as duvidas e medos que conversando com meu marido surgiram, que são ao que se relaciona com a idade, pois já estamos na casa dos quarenta e isso poderia ser um agravante para começar uma vida nova em um lugar novo e totalmente diferente culturalmente do que estamos habituados. Além da barreira da lingua. Talvez fosse realmente bastante difícil para nós, mas já a minha filha que está fazendo faculdade,recém começando a vida profissional, já vemos com bons olhos e ela também acha uma experiencia maravilhosa, até porque iriamos todos juntos. Mas são apenas especulações, por enquanto, porquê ainda não me dei por "vencida".
E é aí, que entra meu questionamento principal, tirando todos os outros. A idade para uma pessoa imigrar, na faixa dos quarenta e cinco anos, como é o nosso caso, tem um peso grande, mesmo as pessoas sendo qualificadas? Ou será que isso não será muito incisivo se for apenas para estudar, como eu citei na segunda opção?
Vou deixar a questão em aberto, quem quiser me dizer o que pensa sobre ou até mesmo relatar a sua experiência que deu ou não certo está convidado a opinar e esta será muito bem vinda.

Um comentário:

Mari disse...

Olá Ziza,

eu não tenho muita experiência ainda porque estou aqui há apenas 11 meses. Meu marido tem 45 anos e eu recem completos 39 anos. Muitos dos nossos amigos imigrantes estão nesta faixa etária e alguns já passaram dos 50 e o que tenho percebido que a dificuldade é a mesma independente da idade. O Canadá é um país muito aberto e está a procura de pessoas experientes nas áreas em que é deficitário, então para o Canadá a sua idade não faz muita diferença.
Para as pessoas se adaptarem por aqui eu acho que depende mais do que cada um procura quando decide imigrar do que qualquer outra coisa. Muitas pessoas chegam ao Canadá com idéias totalmente erradas sobre o que seja viver em um país de primeiro mundo e por isso acabam se decepcionando.
O que tenho percebido é que o brasileiro de uma maneira geral se adapta bem, especialmente o brasileiro que tem um nivel cultural um pouco maior (nem sei como dizer isso)e que não concorda com a mentalidade do jeitinho muito comum por ai. De uma maneira geral o Canadá é um país todo quadradinho, cheio de regrinhas que a maioria das pessoas respeitam. É um país quase "socialista" em que todo mundo efetivamente tem direito e acesso a tudo, mas exige que vc também se comprometa com o coletivo. É claro que tem muitas coisas ruins por aqui, mas eu te garanto que não será a sua idade que te impedirá de se adaptar.
Se vcs não têm certeza, mas existe a possibilidade de tentar, eu aconselho passar um tempo aqui estudando mesmo. Existem varias possibilidades de acordo com a experiencia de cada um e assim vcs três poderiam ter uma ideia do que seja.
Mas venham no inverno para não se enganarem com a alegria do verão e a beleza da primavera e do outono. Talvez o famoso inverno canadense seja o maior empecilho para a adaptação.

um beijo